Gestão e download de NFe, CTe, XML e DANFe. Teste grátis por 7 dias!

GestãoNovidades GeminusCare

Canhoto eletrônico NFe: conheça esse recurso inovador do GeminusCare!

Veja como este novo recurso especial do GeminusCare pode trazer muito mais segurança à gestão fiscal da sua empresa!

Não há dúvidas de que as notas fiscais eletrônicas trouxeram mais praticidade e agilidade do que os documentos em papel. Porém, a falta de um canhoto eletrônico NFe, como havia nos modelos em papel, faz muita falta.

O canhoto de nota fiscal era preenchido pelo destinatário, o que permitia a ambas empresas ter certeza de que a mercadoria e a nota foram entregues, algo que já não é possível na NFe pelo fato de ser eletrônica.

Felizmente, o GeminusCare desenvolveu uma alternativa para essa necessidade, a qual tem potencial para mudar a forma com a qual as empresas lidam com a gestão fiscal. Aprenda mais sobre o assunto e veja como seu negócio só tem a ganhar com a adoção dessa tecnologia!

Como funcionava o canhoto de nota fiscal?

Através do preenchimento de um canhoto que acompanhava a Nota Fiscal Modelo 1, que deixou de ser utilizada pelas empresas que são obrigadas a emitir a nota fiscal eletrônica.

Quando a mercadoria era recebida, então a empresa remetente entregava a nota para a destinatária, a qual tinha que assinar o canhoto para comprovar o recebimento. Então, a remetente mantinha o canhoto e a destinatária ficava com a nota.

Mesmo nas empresas que ainda utilizam as notas fiscais em papel, o processo não é o ideal, já que tal informação não fica retida ou armazenada no sistema, o que impossibilita sua consulta.

Ao ter o canhoto de nota fiscal, ambas empresas ficavam livres de qualquer contestação futura, já que aquilo servia para comprovar o sucesso da transação comercial.

Hoje em dia, já estamos na versão da nota fiscal eletrônica 4.0, a qual, por sua vez, substituiu a versão 3.10. O surgimento da NFe veio exatamente para fazer com que as notas em papel pudessem deixar de ser utilizadas.

Para substituir parte do que o canhoto de nota fiscal fazia até então, surgiu a manifestação de nota fiscal eletrônica, que embora não seja uma solução definitiva, pode ser utilizada em conjunto com o canhoto eletrônico NFe para solucionar tal necessidade.

Como funciona a manifestação de nota fiscal eletrônica?

Através de um processo em que o destinatário avisa a Secretaria da Fazenda se confirma ou não o que consta na nota fiscal emitida contra seu CNPJ, de modo que possa se resguardar para o caso de problemas futuros.

Existem quatro categorias de manifesto de notas fiscais, que são as seguintes:

  • Ciência da emissão: o destinatário confirma que sabe da emissão da nota, mas não o que consta no documento.
  • Confirmação da operação: aqui, o destinatário confirma o recebimento da mercadoria, o que inclusive pode ser feito antes de tê-la recebido, embora o procedimento não possa ser anulado posteriormente.
  • Operação não realizada: o destinatário conhece aquela NF-e, mas não recebeu o produto ou mercadoria nela constante. Essa opção de manifestação de nota fiscal eletrônica também pode ser escolhida se a carga tiver passado por algum sinistro durante o transporte.
  • Desconhecimento da operação: nesse caso, o destinatário nega a solicitação daquela operação, como quando o CNPJ e a inscrição estadual foram utilizadas incorretamente ou com má fé por parte do remetente. Com isso, o destinatário fica resguardado contra a incidência de impostos referentes àquela NFe.

É visível que a manifestação de nota fiscal eletrônica é uma boa alternativa, que pode ajudar a evitar problemas com a Receita Federal, mas além de ser um processo cuja obrigatoriedade entrará em vigor apenas quando aquele estado decidir adotá-lo, a comunicação é feita entre o destinatário e a Sefaz.

Como consequência, o remetente da nota não consegue saber se o destinatário confirmou ou não a operação, o que pode colocá-lo em dúvida. Isso, inclusive, abre margem para a emissão das chamadas notas fiscais frias, que não correspondem a operações reais.

É justamente aí que entra a inovação do canhoto eletrônico, fazendo essa ponte entre o remetente e o destinatário que não existia com a manifestação de nota fiscal eletrônica.

Como funciona o canhoto eletrônico NFe?

Através da permissão para que o destinatário possa informar ao remetente os dados referentes à manifestação de nota fiscal eletrônica, de modo que ele saiba qual foi essa manifestação.

Empresas que desejam saber como evitar problemas fiscais encontram no canhoto eletrônico NFe a solução ideal para suas necessidades, já que não apenas a Secretaria da Fazenda saberá sobre a manifestação como também o emitente da nota.

Essa é uma solução prática, simples e eficiente para eliminar uma das principais fontes de problemas entre empresas, que é a emissão de notas fiscais falsas, situação que é mais comum do que pode parecer.

Ter essa etapa adicional de segurança nas transações comerciais também ajuda uma empresa a demonstrar para seus fornecedores que a emissão de notas fiscais é acompanhada, o que inibe o problema de documentos fiscais frios.

Através da adoção do canhoto eletrônico, as empresas terão totais condições de ter um controle de notas fiscais eficiente, sem ter dúvidas sobre o recebimento das mercadorias e do documento fiscal por parte do destinatário.

Como contar com o recurso de canhoto eletrônico NFe da GeminusCare?

Os clientes do GeminusCare já contam com o canhoto eletrônico disponível em sistema. Assim, quando é feita a manifestação de nota fiscal eletrônica, pode-se avisar o emissor do documento sobre a realização do processo.

Isso se aplica às notas fiscais que são emitidas contra o CNPJ da sua empresa. Porém, dado o potencial que esse recurso tem para revolucionar a gestão fiscal, o GeminusCare também dispõe de planos para quem deseja utilizá-lo nas notas fiscais emitidas pela empresa.

Certamente, o canhoto eletrônico é um recurso que pode mudar a gestão fiscal das empresas e fazer com que ela seja ainda mais segura, prática e conveniente, sem abrir mão das inovações tecnológicas que existem na área.

Não perca mais tempo: se você já utiliza nosso sistema, faça com que esse recurso seja parte da rotina do setor fiscal. Caso ainda não seja cliente, então passe a usar o GeminusCare agora mesmo e tenha ótimos recursos à sua disposição, incluindo o canhoto eletrônico NFe, por um preço que cabe no orçamento da empresa!

Related posts
Gestão

Como contratar um funcionário e acertar em cheio?

GestãoProdutividade

Como acabar com os problemas de comunicação nas empresas?

FinanceiroGestão

Como aumentar o lucro da empresa? Confira as melhores dicas!

FinanceiroGestão

Despesas fixas e variáveis: qual é a diferença?

Inscreva-se em nossa Newsletter e
fique informado

 


Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *